Skip to Content

Porque é que o uso do telemóvel ao volante é tão perigoso? Whatsapp: o grande inimigo do condutor

Porque é que o uso do telemóvel ao volante é tão perigoso? Whatsapp: o grande inimigo do condutor

22/01/2015

Na FUNDAÇÃO MAPFRE insistimos sempre que a segurança é o mais importante. Uma vez que é fundamental reduzir as distrações enquanto se conduz, é necessário antecipar qualquer situação que possa desviar a nossa atenção, tanto no exterior, como no interior do veículo. Uma SMS, a procura de uma morada, uma criança incorretamente instalada pode afetar a nossa concentração e expor-nos a um risco elevado de acidente. Por isso, antes de iniciar a marcha, é necessário tomar algumas precauções:

  • Confirmar a correta colocação dos sistemas de retenção para crianças: cadeiras homologadas para o peso e altura das crianças que ainda não têm 135 cm de altura; cinto de segurança corretamente colocado para as que têm mais de 135 cm. Para uma correta colocação do cinto de segurança, a faixa superior deve passar por cima do esterno e a meio da clavícula, e a faixa inferior apoiar firmemente sobre os ossos da bacia. Se necessário, a criança pode continuar a utilizar o banco elevatório.

  • Verificar que não existem objetos soltos no interior do veículo que possam ser projetados numa travagem ou colisão.

  • Localizar a morada e rever o percurso antes de iniciar a viagem (quer num dispositivo independente como no telemóvel). Nunca manipular estes dispositivos com o veículo em andamento.

  • E claro, “esquecer-se” do telemóvel: o seu uso durante a condução, mesmo que para uma consulta rápida, é tão perigoso para a segurança do condutor e passageiros como conduzir sob o efeito do álcool. Para além disso, é proibido por lei usar um telemóvel, a não ser que disponha de kit mãos livres. Mas lembre-se: mesmo com um sistema de mãos livres, o telefone desvia a atenção da condução e, por esta razão, é um grande perigo. Manipular o telemóvel enquanto se conduz é uma contraordenação grave que origina, em Espanha, uma multa de 200€ e a perda de 3 pontos da carta de condução.

  • Para além disso, é proibido por lei usar um telemóvel, a não ser que disponha de kit mãos livres ou seja usado apenas um auricular (em Portugal). Mas lembre-se: mesmo com um sistema de mãos livres, o telefone desvia a atenção da condução e, por esta razão, é um grande perigo.

O mais conveniente é deixar o telemóvel num local onde o som das mensagens não possa desviar a nossa atenção. Por mais urgentes que possam parecer, não há nada tão importante como chegar bem ao final da nossa viagem. Conversar, tirar selfies ou baixar conteúdos nas redes sociais enquanto se conduz, é um comportamento imprudente e irresponsável extremamente perigoso, uma vez que o risco de acidente aumenta 4 vezes.

Na FUNDAÇÃO MAPFRE não nos cansamos de repetir que a segurança está sempre em primeiro lugar. Se considerar essencial responder a uma chamada, utilize o sistema mãos livres e tente que seja o mais curta possível. Se necessitar de consultar alguma informação, programar o GPS ou se se esqueceu de responder a uma mensagem importante, procure um lugar seguro para estacionar e pare. Durante a condução o melhor lugar para o telemóvel é longe das mãos: numa bolsa ou no porta-luvas.

Back to top