Skip to Content

Tudo que você precisa saber sobre insolação em crianças

Todo lo que debes saber sobre los golpes de calor en niños

20/07/2021

Muitas das vítimas de hipertermia têm entre 0 e 5 anos. Devido à menor reserva de água de uma criança, sua temperatura corporal sobe de 3 a 5 vezes mais rápido do que em um adulto. Além disso, o sistema respiratório das crianças, que ainda está em desenvolvimento, as torna mais vulneráveis à exaustão pelo calor. É possível evitar a insolação em crianças colocando em prática uma série de medidas de precaução. Aqui abordamos tudo que você precisa saber para evitar que isso ocorra e saber como agir para ajudar uma criança que está sofrendo de insolação ou choque térmico. 

Em primeiro lugar, devemos ter em mente que não precisa ser verão para sofrer uma insolação. Em dias com temperaturas um pouco acima dos 20ºC, o interior do carro pode chegar aos 50ºC. Conforme afirmado no relatório ‘Crianças em carros e insolação na infância’, elaborado pela Associação Espanhola de Pediatria e pela Fundación MAPFRE, 10 minutos dentro de um carro com uma temperatura exterior de 25ºC são suficientes para que uma criança sofra uma insolação. Não as deixar sozinhas no veículo é fundamental para evitar que isso aconteça, bem como hidratá-las constantemente e evitar que se exercitem nos momentos mais quentes e ensolarados. 

A insolação ou choque térmico é um dos casos mais graves de hipertermia. É o superaquecimento que o corpo sofre devido às altas temperaturas ou ao excesso de exercício físico. A falta de hidratação faz com que vários órgãos parem de funcionar como fariam normalmente, podendo até causar a morte. Crianças com menos de 4 anos de idade e especialmente aquelas com menos de 1 ano são mais predispostas a sofrer disso. Outros fatores que também influenciam são o sofrimento de certas doenças crônicas, como patologias renais, neurológicas, endócrinas (por exemplo, diabetes) ou doenças cardíacas; e também o uso de alguns medicamentos, que podem interferir na regulação da temperatura e dos fluidos corporais, como diuréticos ou anti-histamínicos.

Quais sintomas causam a insolação? Em primeiro lugar, a elevação da temperatura corporal acima de 40ºC (febre ou hipertermia), alterações do estado de consciência que podem ser acompanhadas por convulsões, além de pele seca e muito quente. Também pode causar fadiga e fraqueza, tonturas, náuseas e até vômitos. Cãibras musculares, dor de cabeça intensa e confusão, respiração superficial e rápida, taquicardia (batimento cardíaco muito rápido) e pulso fraco também podem ocorrer. 

DICAS DE PREVENÇÃO

-Aumentar a vigilância das crianças pequenas, principalmente menores de um ano, das que sofrem de alguma doença crônica que dificulta a transpiração (como a fibrose cística), ou das que tomam certos medicamentos, como os anti-histamínicos.

-Mantenha a criança hidratada. Não espere até ela pedir água. Ofereça líquidos constantemente. No caso de bebês, ofereça a mama com mais frequência.

-Evite realizar exercícios físicos ou brincadeiras em horários do dia com mais sol e calor. No caso de atividades físicas ao ar livre, em épocas de calor, deve-se beber pequenas quantidades de água a cada 15-30 minutos durante o exercício.

-Usar roupas largas, leves e transpiráveis, em cores claras e proteger a cabeça das crianças com boné. Banhe e molhe-os com frequência.

-Evitar que as crianças fiquem muito tempo expostas ao sol e a altas temperaturas, mantendo-as em locais com sombra, bem ventilados ou com ar condicionado.

-Nunca deixe uma criança sozinha, nem fique com ela, dentro de um veículo estacionado e fechado. Atualmente existem inúmeros dispositivos no mercado que nos avisam caso isso aconteça, impossibilitando o esquecimento de um menor dentro do veículo. 

Aqui oferecemos mais dicas para evitar que as crianças sofram de insolação, especialmente quando estão no carro.

SABER AGIR A TEMPO

O que devemos fazer se vermos uma criança sozinha dentro de um veículo? A primeira coisa a fazer é verificar se a criança responde aos sinais e avisar imediatamente o 192.

Depois devemos abrir o carro, sempre mantendo a segurança do menor. É aconselhável quebrar o vidro da janela mais afastada e retirar a criança. 

Neste artigo abordamos como agir se a criança estiver sofrendo de insolação. Tudo vai depender se ela estiver consciente ou não, mas o mais importante é providenciar atendimento médico o mais rápido possível. 

Neste infográfico discutimos o que fazer para não esquecer uma criança dentro do veículo e não sofrer uma insolação:

Golpe de calor

Objetivo Zero
Back to top