Skip to Content

Como deve ir uma criança se esse verão irá viajar de avião, carro, moto, bicicleta ou ônibus?

Como deve ir uma criança se esse verão irá viajar de avião, carro, moto, bicicleta ou ônibus?

20/07/2016

Pela regra geral, todos nós sabemos as normativas referentes a crianças que viajam de carro. É a mais comum e, portanto, mais conhecida: as crianças devem andar em um sistema de retenção para crianças, aprovada e adequada às suas condições físicas; deve estar corretamente instalada e seguir as diretrizes da norma vigente, que podemos consultar no artigo Mudanças no Regulamento Geral de Circulação”. O que talvez seja menos claro é como uma criança deve viajar em diferentes meios de transporte, uma situação que pode ocorrer no verão, quando nos deslocamos para o local de férias, por exemplo, ou para viagens locais, no caso de não fazer uso do carro habitual.

Em um carro alugado

Embora as regras sejam exatamente as mesmas que para o nosso carro particular, no caso de um carro alugado é preciso garantir duas coisas principalmente: que a agência disponha de sistemas de retenção infantis adequados e que estes estejam em boas condições. O que não podemos fazer é exigir que a empresa de aluguel de carros disponha de sistemas de retenção infantil, por isso deve-se consultar previamente antes de decidir onde realizar a transação. Cada vez mais empresas oferecem cadeirinhas para carro em suas frotas. 

Recomendamos-lhe o artigo: “Que segurança as empresas de aluguel de carro oferecem para as crianças na Espanha?

Viajar de avião 

Para viagens aéreas, temos de ter em mente que até dois anos é possível viajar com o bebê no colo, preso por um cinto especial que é anexado ao cinto da mãe ou do pai. Para maiores de dois anos você pode usar o cinto de segurança do assento de costume, embora algumas empresas tenham uma lista de SRI compatíveis que podem ser carregados para a cabine e acomodados no banco. O melhor conselho é sempre se informe com antecedência para evitar surpresas.

Recomendamos-lhe o infográfico  Sistemas de retenção infantil para aviões e ônibus

Deslocamentos em moto

Durante as férias, é possível que para algum deslocamento curto, seja na cidade, na praia ou para onde estamos indo nestes dias de folga, tenhamos a possibilidade de deslocar-nos em moto. As regras para as crianças são bem claras: não podem viajar de motocicleta, em nenhum caso, menores de sete anos. Crianças de sete anos ou mais pode fazê-lo se acompanhados por um dos pais, tutor ou pessoa devidamente autorizada, em outros casos, a idade mínima é de 12 anos.

Sempre devem usar um capacete aprovado e adequado a suas características físicas, e as crianças devem estar no banco do passageiro, com os pés nos estribos ou no apoio para os pés. As crianças só podem circular de moto se esta possuir dois lugares regulamentados, devendo ser refletido este fato na licença de circulação correspondente.

Viajar de ônibus

Se nos referimos a um ônibus interurbano, a legislação não parece muito convencional, uma vez que só são obrigados a dispor de cintos de segurança nos assentos, e as empresas não são obrigadas a fornecer quaisquer SRI aos pais para colocarem seus filhos de maneira adequada. Mais e mais empresas estão oferecendo facilidades para os pais, e oferecendo soluções mais adequadas de segurança para os pequenos. No entanto, os pais podem trazer sua própria SRI (sempre que seja possível prendê-la no assento do ônibus).

Se a criança tem mais de três anos de idade e mede menos de 1,35 m é necessário utilizar o cinto de segurança do ônibus ou SRI adaptado ao seu tamanho e peso. Para as crianças menores de três anos, há uma brecha nas regras, uma vez que o Regulamento Geral de Circulação não diz nada sobre isso.

Por último, podemos encontrar toda a informação a respeito detalhada de maneira gráfica no infográfico: ‘Utilização das cadeiras de criança nos diferentes meios de transporte

Ayúdanos a conseguirlo

Back to top