Skip to Content

Como desativar o airbag dianteiro do banco do passageiro e em quais ocasiões?

¿Cómo desactivar el airbag delantero del copiloto y en qué ocasiones?

24/04/2017

O airbag é um dos elementos de segurança mais importantes do veículo. Este atua em combinação com o cinto de segurança e nunca poderá ser acionado separado, já que pode ocasionar graves lesões no ocupante. Quando falamos de crianças, devemos ter em conta que devem viajar obrigatoriamente nos assentos traseiros. No entanto, se necessário viajar no assento dianteiro do passageiro com o sistema de retenção infantil correspondente, é importante que desativemos o airbag

Anteriormente abordamos o perigo do acionamento do airbag para as crianças e por que devemos desativa-los e em quais casos. É que o airbag do banco dianteiro do passageiro ativado é especialmente perigoso para as crianças, especialmente para aqueles que viajam virados para trás.

O artigo 117 do Regulamento Geral de Circulação indica que nos veículos de até 9 lugares, incluído o motorista, os ocupantes menores de idade com uma estatura inferior ou igual a 1,35 cm deverão viajar em assentos traseiros, utilizando um sistema de retenção homologado adaptado para sua altura e seu peso. Só podem viajar no assento dianteiro do passageiro baixo à três exceções: que o veículo não disponha de assentos traseiros, que todos os assentos traseiros estejam ocupados por outras crianças em seus sistemas de retenção respectivos e naquele em que não seja possível instalar os sistemas de retenção.
Se por algumas das exceções mencionadas uma criança viajar no banco dianteiro do passageiro e o carro contar com o airbag do passageiro, o Regulamento também estabelece que “só poderão ser utilizados sistemas de retenção virados para trás se o airbag estiver desativado”.  

Também é recomendável evitar, na medida do possível, que as crianças menores de 12 anos viajem no assento dianteiro se o airbag estiver ativado (ainda que se encontrem dentro das 3 exceções mencionadas). A função principal do airbag é proteger a cabeça do passageiro para que este não golpeie contra o para-brisas do carro. É acionado a uma velocidade de 200 km/h e pode ser especialmente perigoso quando o passageiro que viaja neste assento é uma criança. Podendo esmaga-lo contra o assento ou inclusive cobri-lo por completo. Devemos ter em conta que ao irem em uma cadeirinha infantil se encontram mais próximos ao airbag e a explosão ocorre próximo a sua cabeça. Se estiver virada para trás, a cabeça está ainda mais próxima do para-brisas.

COMO DESLIGAR O AIRBAG DO BANCO DO PASSAGEIRO?

Devemos ter em conta que não todos os modelos e fabricantes contam com o mesmo sistema, nem seguem os mesmos passos para desativar o airbag do passageiro. Por isso, é fundamental ler o manual do fabricante onde indicará os passos que devemos seguir.

Por outro lado, não são todos os veículos que oferecem a opção de desativar o airbag do passageiro, especialmente os modelos antigos. Quase todo os carros novos contam com esta opção, já que os fabricantes sabem da importância de desativar o airbag se uma criança for viajar virada para trás neste assento. 

É recomendado que desativemos o airbag com o carro desligado.Desta forma, evitaremos possíveis avarias.

desativar o airbag


Muitos oferecem a opção de desativar tanto o airbag frontal como o lateral do passageiro. Costuma ser um interruptor, que se encontra no lado direito do painel frontal ou no interior do porta-luvas e que conta com as posições: on (para ativar o airbag e que possa atuar em caso de acidente) e off (para desativar quando viajam crianças com cadeirinha no banco dianteiro, especialmente se vão viradas para trás).
Normalmente é preciso um tipo de chave especial que devemos introduzir na ranhura correspondente para poder desativa-lo. Costuma-se indicar que o airbag está desativado com a ativação de uma luz no painel de controle. Em nenhum caso devemos deixar introduzida a chave no interruptor de desativação do airbag, pois poderá danifica-lo, ou em caso do carro estar em movimento, ativar ou desativar o airbag.
Em outros veículos só se pode desativar o airbag do passageiro passando previamente pela oficina. Nestes casos costuma-se exigir a assinatura de um documento para eximir de qualquer responsabilidade o fabricante, em caso de acidente.
Outros fabricantes como Mercedes contam com uma desconexão automática do airbag. O mesmo é desativado se detecta que há um sistema de retenção infantil instalado. Trata-se de um dispositivo desenvolvido conjuntamente com o fabricante de cadeirinhas infantil Römer (Automatic Child Seat Recognition, ACSR). No entanto, só funciona com cadeirinhas específicas do fabricante Römer e só são comercializadas nas concessionárias da mencionada marca de carro.


CONSELHOS QUE DEVEMOS SEGUIR

  • Evitar na medida do possível que as crianças viajem com o sistema de retenção infantil no assento dianteiro. Se por algumas das excepções mencionada for necessário viajar neste assento (por exemplo, se todos os assentos traseiros estão ocupados com crianças em suas cadeirinhas), se recomenda que só viajem neste assento os maiores de 12 anos e que os mais pequenos viajem no banco traseiro. Neste caso, devemos afastar o banco ao máximo para que fique o mais longe possível do airbag
  • Nunca devemos colocar no assento do passageiro uma cadeirinha virada para trás sem desativar o airbag antes
  • Relembre de ativar o airbag do passageiro em caso não levar uma criança neste assento com cadeirinha virada para trás e assim que sentar um adulto no mesmo. 
  • As crianças maiores de 12 ou 13 anos podem ir no assento dianteiro mas sempre com o cinto de segurança bem fixado e colocando o assento o mais afastado possível. 
  • A criança não deve se inclinar para frente e deve estar colocado na posição vertical contra o encosto.   
  • O condutor do veículo é responsável pelo airbag estar desligado ou ativado. 

Neste vídeo é possível ver as consequências do airbag para as crianças:

Ayúdanos a conseguirlo
Back to top